Blog SOS Amazônia
Notícia

Produtores são beneficiados com oficinas e kits para coleta e extração do Açaí

Produtores Agroextrativista vem ganhando cada vez mais incentivos do projeto Valores da Amazônia. Com ações que buscam fortalecer, estruturar e capacitar comunidades e associações na produção extrativista, moradores do município de Cruzeiro do Sul recebem kits e participam de oficinas de boas práticas da coleta e extração do açaí.


Com participantes do Polo Agroflorestal e Comunidade Maloca, ligados à Cooperativa de Mâncio Lima, 16 agricultores foram instruídos a técnicas adequadas e sustentável para a retirada do açaí, visando a segurança do coletor, a troca de experiências, além da qualidade final do produto.


“Essa ação têm sido de grande contribuição para o desenvolvimento das atividades extrativistas, isso agrega valores e permite um aumento de renda para o coletor e para a cooperativa que pode vender um produto com mais qualidade,” afirma Thayna Sousa, engenheira florestal da SOS Amazônia.


Além desta prática, foram entregues à cooperativa Coopfrutos, 50 kits para a extração do açaí, sendo 25 de escalada e 25 de coleta de frutos.


"Entendemos que fortalecer a base é fundamental para manter forte os grupos de agroextrativistas. Esse é uma exercício que propõe melhoria na forma de manejo das espécies, com foco no açaí, que durante muito tempo foi utilizado um método destrutivo da planta. Além disso, levar técnicas de coleta com maior segurança e evidenciar a importância do uso de Equipamentos de Proteção Individual, faz parte do nosso objetivo com as comunidades," explica Álisson Maranho, coordenador do projeto Valores da amazônia.


Conteúdo entregue:

Kit de Segurança de Escalada: 1 capacete; 20 metros de corda estática de 10,5 mm; 1 mosquetão de aço oval trava rosca; 1 par de luva; 1 descensor; 1 cadeirinha big wall; 1 talabarte em cordão com regulador, 1 par de botas e 1 par de espora.


Kit de Coleta: 1 par de luva de tecido com borracha; 1 capacete de segurança; 1 terçado de 20”; 1 balde preto com alça plástica; 32 sacos de fibras, 1 par de bota 7 léguas 1 lona 10 m x 3 m


Essas atividades relacionados às cadeias de valor de produtos da sociobiodiversidade fazem parte do projeto Valores, realizado pela SOS Amazônia e com apoio financeiro do Fundo Amazônia/BNDES, que busca disseminar a produção econômica e sustentável que mantenham a floresta em pé nos estados do Acre e Amazonas.


Saiba mais sobre o projeto Valores da Amazônia


Por: Deylon Félix